Família de Chris Cornell não aceita resultado de laudo médico - Ligado à Música | Ligado à Música

Família de Chris Cornell não aceita resultado de laudo médico

19/05/2017  |   Por:

chris_cornell

A família de Chris Cornell, que foi encontrado morto nessa quinta-feira (18), não acredita que o músico tenha cometido um suicídio intencional, conforme foi divulgado anteriormente pelo centro médico de Detroit.

Em um comunicado oficial assinado até mesmo pelo advogado da família no caso, Kirk Pasich, e publicado pela PRNewswire.Com, a família declara que o músico era um dependente químico em recuperação, então acreditam que alguma substância deve ter colaborado com a sua morte, e não que tenha sido um suicídio de forma consciente. “Sem os resultados dos exames toxicológicos não sabemos o que aconteceu ou se alguma substância contribuiu para o ato”, diz o comunicado. “Se Chris realmente se matou, ele não tinha consciência do que estava fazendo”.

O músico tomava um remédio chamado Ativan e segundo o advogado que assinou o comunidade, a substância, se digerida em altas dosagens, pode causar paranoia, pensamentos suicidas e deterioração na capacidade de raciocínio.

Confira vídeos da última apresentação do músico, com o Soundgarden, poucas horas antes da tragédia.